sexta-feira, junho 22, 2007

please...


Não me obriguem
Peço-vos por tudo
Não a sair com ela

A do pescoço branco
Gazela arrepiada
Tonta
Rapada nas axilas
Rapada nas virilhas
Sem graça e sem buço


Não me façam ouvir
Não me façam olhar
O batom encarnado
Dois traços
Em cima e em baixo
Feia mulher sem mais
miolos que a galinha

Quero ficar sozinho
Quero ficar surdo
Quero ficar mudo
Quero ficar. É tudo

Sair com ela, não
Rogo-vos
Pela vossa
Pela minha saúde


2 comentários:

Arion disse...

Às vezes enfeitam bem os lugares ;)

vida de vidro disse...

Pronto, alguém não gosta de uma fachada pintada... Sobretudo quando o recheio também não vale muito.:)**